João Marcos Adede y Castro

JOÃO MARCOS ADEDE Y CASTRO é graduado em Direito pela Universidade Federal de Santa Maria, sendo Mestre em Integração Latino Americana, pela mesma Universidade.

 

É doutor em Ciências Jurídicas e Sociais, pela Universidade del Museo Social Argentino, e doutorando em Direito Civil pela Universidade de Buenos Aires, ambas de Buenos Aires.  

 

Foi Promotor de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul por quase 30  anos, tendo exercido as atribuições de Promotor de Justiça Especializada de Defesa Comunitária, com atuação preponderante nas áreas de defesa do meio ambiente, interesses sociais e coletivos e improbidade administrativa. É Professor Universitário.

 

 É membro e  foi Presidente da Academia Santa-Mariense de Letras, ocupando a cadeira número 16, cujo patrono é o escritor e jurista  Darcy Azambuja. É advogado em Santa Maria, RS.

Procure por Tags

NÃO EXISTE PROCESSO GANHO

07.10.2019

Fico impressionado quando nas novelas de televisão, poderoso meio de divulgação de cultura popular, vejo um personagem/cliente dizer quatro ou cinco palavras para outro personagem/advogado e esse imediatamente garantir que o processo está ganho!

Está certo que é fantasia, mas passa a ideia de que um processo em juízo é simples, rápido e garantido, o que absolutamente não é.

O direito não é uma ciência exata e a lei nada mais é do que uma norma genérica para aplicação a casos concretos em um país continental com realidades sociais absurdamente diversas, o que exige interpretação criteriosa de fatos, contratos, argumentos e necessidades.

Um processo nada mais é do que um conjunto de possibilidades, às vezes maiores, às vezes menores, mas nunca calculáveis em   percentuais matemáticos.

Não se pode esquecer que inúmeras vezes o advogado do autor não tem conhecimento prévio da documentação que está em mãos do réu, outras vezes uma testemunha que parece maravilhosa desaparece ou fica apavorada e esquece de tudo frente ao juiz, isso quando não inverte tudo e “ferra” com o nosso cliente!

Desconfie quando algum profissional garante resultado, como soltar seu filho, ganhar a pensão ou reverter a sentença em apelação. Ou ele está bêbado ou é desonesto, ou quem sabe as duas coisas.

A prestação de serviços advocatícios não é um contrato de resultados, mas de meios para a obtenção de um resultado, o que nem sempre é possível.

Ou seja, o campo em que se ganha uma causa é o mesmo em que se perde outra causa, a glória e a desgraça andam de mãos dadas.

Essa é a beleza e a feiura do direito, ao mesmo tempo.

O que você deve exigir de seu advogado é que seja interessado, aplicado e fale a verdade, apenas a verdade, por mais dura que ela seja, a respeito de suas reais chances de vitória.

Como já disse Churchill: você pode enganar muitas pessoas durante muito tempo, algumas pessoas durante algum tempo, mas não pode enganar todas as pessoas durante todo o tempo.

Um processo só está ganho quando termina.

Um dia, a casa cai, e aí fica muito feio!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Black Round

© 2017 por João Marcos Adede y Castro

  • Facebook Black Round